Motivado e mais maduro, Arthur Maia quer ser ídolo e referência no Vitória

por Léo Santana (Twitter: @leosouzasantana) em 05 de Março de 2016 00:00

O bom filho à casa torna. Assim pode-se descrever a volta do meia Arthur Maia à Toca do Leão nesta temporada. Aos 23 anos, o jovem meia revelado na divisão de base do Vitória retorna ao Barradão e quer fazer de 2016 o melhor ano da sua carreira com a camisa rubro negra.

Após ser emprestado pelo Vitória ao Joinville, América-RN, Flamengo e Kawasaki Frontale-JAP, Arthur Maia chega à Toca, desta vez, para ficar. O meia, em entrevista ao Galáticos Online, garante que quer "permanecer, virar ídolo e referência no profissional, assim como fui na base".

Por isso, o jogador pede a confiança da torcida e promete que "mais maduro" e com "rodagem" vai ajudar o Vitória na busca pelos objetivos da temporada.

Confira o bate-papo completo com Arthur Maia:


Galáticos Online: Como está se sentindo neste retorno ao Vitória?

Arthur Maia: Estou me sentindo bem, feliz e motivado. Todos me receberam bem desde a pré-temporada.

GOL: O que espera para esta temporada no Vitória?

AM: Espero uma temporada de sucesso, com uma grande regularidade e títulos para o clube. É isso que marca qualquer atleta.

GOL: Pensa em sair do clube novamente ou quer permanecer até o fim do contrato?

AM: Penso em permanecer, virar ídolo e referência no profissional, assim como fui na base.

GOL: Como tem sido recebido pelos torcedores após retornar ao Vitória?

AM: No começo uma certa resistência, mas acredito que depois dos dois primeiros jogos que fiz, isso mudou e vejo que confiam no meu potencial.

GOL: Qual seu objetivo com a camisa do Vitória nesta temporada?

AM: É jogar o maior número de jogos possíveis e ser útil na disputa por títulos.

GOL: A camisa 10 é sua? Pretende ser o articulador no meio de campo do Vitória neste ano?

AM: Penso em ser o articulador sim, como sempre fui. Ajudando os atacantes e chegando na área também.

GOL: Acredita que pode viver o seu melhor momento dentro do Vitória nesta temporada?

AM: Sem dúvida. Pela confiança que as pessoas vêm me passando, o trabalho sério que está sendo feito. Estou feliz e motivado para fazer uma grande temporada.

GOL: O que é o Vitória para você?

AM: O Vitória para mim é como uma família, uma base onde tudo começou, quando cheguei com dez anos e fiquei até os 20. E agora retorno muito motivado.

GOL: Como avalia o grupo de jogadores do Vitória e o técnico Vagner Mancini?

AM: O grupo é muito bom, muito unido. Acho que isso faz a diferença dentro de campo. Não que ninguém seja obrigado a ir na casa do outro, mas essa alegria que tem no nosso dia a dia pode ser um grande aliado.

GOL: Deixe uma mensagem para a torcida do Vitória.

AM: Queria pedir a confiança de todos, o apoio para que eu possa, junto com todos os outros jogadores, fazer uma grande temporada. Estou mais maduro, com uma certa rodagem e acredito que possa ajudar muito o Vitória a alcançar os seus objetivos.


Whatsapp
Mande um Comentário
Os comentários não representam a opinião do portal Galáticos Online. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Ver todos

Publicidade

Fotos

Publicidade

Publicidade