Neto Baiano em clima de despedida

por em 27 de Junho de 2009 00:00

Galáticos online: Você é Baiano, mas começou no futebol aonde?

Neto Baiano: Comecei a jogar no Mirassol, minha base foi lá, ai depois eu sair, fui para muitos lugares, então o começo da minha vida no futebol foi no Mirassol e hoje agradeço por tudo que está acontecendo em minha vida ao Mirassol.

 

Galáticos online: Quem levou você daqui da Bahia para o interior de São Paulo?

Neto Baiano: Foi o André Curi. Ele é um empresário, foi na minha cidade. Ele me viu jogando e me levou para o Juventus de São Paulo, eu não fui aprovado lá e um olheiro do Mirassol estava no campo e me perguntou se eu tinha interesse de jogar no Mirassol, lá eu passei no teste e dei inicio a minha carreira.

 

Galáticos online: Você chegou a jogar no futebol do Vietnã. Como foi essa experiência, ter que jogar longe do Brasil e num País tão desconhecido de todos nós?

Neto Baiano: No Vietnã foi uma experiência muito boa em minha vida, assim como pessoa, como ser humano. Muito legal porque eu vi coisas assim que levo como experiência na minha vida. Vi pessoas passando fome, outras sofrendo com a guerra que teve por lá. Ficou tudo na minha cabeça. Eu agradeço muito esta passagem no Vietnã.

 

Galáticos online: Você chegou a ganhar dinheiro na sua passagem no futebol vietnamita?

Neto Baiano: Sim, ganhei muito! Foi uma proposta melhor do que a do Internacional, na época eu estava bem em Porto Alegre e preferi jogar por lá no Vietnã. Prá mim foi uma boa, deu para ganhar algum dinheiro e pagar algumas coisas aqui no Brasil e juntar um dinheirinho.

 

Galáticos online: Um verdadeiro andarilho do futebol, com 26 anos já passou em mais de dez clubes, e qual foi o seu melhor momento no futebol?

Neto Baiano: O meu melhor momento no futebol está sendo aqui no Vitória estou vivendo um momento legal, eu estou focado, momento em que minha vida se transformou em tudo, hoje eu tenho Jesus e minha vida está mudada de verdade.

 

Galáticos online: Você era taxado como jogador que gostava da noite e das festas, depois que você conheceu a sua atual esposa, a sua vida mudou? Conta para gente como foi essa mudança.

Neto Baiano: É verdade, graças a Deus e a Jesus, hoje eu estou mudado graças a minha esposa; antigamente eu tinha essas coisas de sair para a noite e foi por isso que atrapalhou um pouco a minha carreira e acabei me transformando um andarilho do futebol. Eu era um jogador que não parava em clube nenhum, passava três meses em um, às vezes seis meses em outro. Eu treinava bem, jogava bem, mas não ficava nos clubes.

 

Galáticos online: Você é um homem Evangélico e congrega em qual Igreja?

Neto Baiano: Hoje freqüento o Ministério da Casa de Orações de todos os Povos, lá em Campinas–SP. Hoje eu estou muito feliz por ter conhecido este Ministério e diante de Jesus que me mudou bastante, então eu agradeço muito a Jesus por tudo que ele vem fazendo em minha vida.

 

Galáticos online: A torcida do Vitória protestou quando você declarou que estava balançado com a proposta do Santos. Você chegou a acertar salários com o Santos?

Neto Baiano: Na verdade não houve nada, houve apenas uma sondagem como todo mundo ficou sabendo, quando o jogador está em ascensão, então comigo não foi diferente. Teve realmente algumas conversas sobre salários dos próprios dirigentes do Santos com os do Vitória, mas comigo não acertaram nada. O Presidente passou para mim a proposta, mas eu disse que estava focado e não queria deixar o Vitória agora. O jogador quando tem uma boa proposta, realmente balança e eu não queria me prejudicar dentro do campo.

 

Galáticos online: Você sonha em ser o artilheiro do Brasil este ano? Como é conviver com a fama aqui no Vitória e com o assédio da imprensa de todo o Brasil?

Neto Baiano: É muito bom para mim, está em ascensão prá mim é uma maravilha. Tenho que agradecer muito a Jesus pelo que está acontecendo comigo. Então eu fico muito feliz, e tenho sempre que estar buscando o melhor prá mim e prá minha família.

 

Galáticos online: Voltar a jogar na Coréia é um sonho ou uma realidade?

Neto Baiano: Eu joguei na Coréia em 2005. Fui vendido para o HYundaI e por enquanto não tem nada definido com nenhum clube. Aqui no Vitória já estão conversando comigo sobre uma possível renovação para 2010; a minha esposa está resolvendo tudo em relação a minha permanência no Vitória. O meu futuro eu entrego a Jesus Cristo deixo na mão dele.



Neto Baiano foi entrevistado pelo repórter Nilson Luiz.


Whatsapp
Mande um Comentário
Os comentários não representam a opinião do portal Galáticos Online. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Ver todos

Publicidade

Fotos

Publicidade

Publicidade