"Frente Vitória Popular" faz campanha para apoiar financeiramente jogadoras rubro-negras

Autor(a): Pevê Araújo - Instagram (@pevearaujo) em 10 de Junho de 2020 18:00
Foto: Fernando Alves/Grêmio FBPA

Após recentes notícias de que as jogadoras do Vitória estavam com salários atrasados, o grupo de torcedores do Leão, "Frente Vitória Popular", realizou uma campanha em apoio ao elenco feminino. Apesar da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ter disponibilizado uma verba de 120 mil para os clubes que disputam a Série A1 do Campeonato Brasileiro, a diretoria rubro-negra ainda não se manifestou oficialmente para confirmar o pagamento. 

Com o objetivo de "elevar o engajamento da torcida do Vitória em relação ao futebol feminino", a Frente Vitória Popular lançou a campanha "Eu apoio as leõas". A iniciativa é um projeto emergencial de apoio financeiro para ajudar as atletas neste momento de crise. 

"O objetivo desta campanha é arrecadar recursos para poder ajudar na manutenção do time de futebol feminino do Esporte Clube Vitória e nas despesas das jogadoras (deslocamento, alimentação, equipamentos etc.). Devido à pandemia provocada pela covid-19, as atletas foram afastadas do clube e estão passando dificuldades", afirmou a Frente em publicação.

O Vitória foi apontado como um dos únicos clubes que disputam a primeira divisão do futebol feminino a não quitar dívidas com as jogadoras do elenco. Além do Rubro-Negro, apenas o modesto Iranduba foi citado pelo atraso no pagamendo das atletas.

De acordo com a integrante da Frente, Elizabete Dantas, o Vitória foi procurado pelo grupo antes da realização da campanha. No entanto, o clube não respondeu as mensagens.

"Nós da Frente Vitória Popular, grupo formado por torcedores(as), sócios(as) e conselheiros(as), enviamos por e-mail no dia 14/05 um requerimento solicitando esclarecimentos do clube sobre as situações narradas e nos colocando à disposição para ajudar no que fosse necessário. O email não foi respondido e o reenviamos no dia 20/05, seguindo sem resposta", disse.

"Ressaltamos na mensagem a importância de valorizarmos o time feminino e como em tão pouco tempo a modalidade já havia nos rendido ótimo frutos, com jogadoras do elenco sendo convocadas para seleção brasileira, por exemplo", completou.

Elizabete ainda cobrou transparência na busca pela profissionalização do Vitória e questionou o verdadeiro papel dos sócios. "Não dá pra profissionalizar um clube e esquecer da transparência, ou os sócios só servem para receber áudio cobrando o pagamento dos boletos? Queremos saber onde está os 120 mil da CBF e quando quitarão os débitos com as jogadoras", destacou.

A torcedora também aproveitou para criticar o presidente Paulo Carneiro por uma declaração feita em 2019, quando estava em campanha para as eleições no Vitória. "Há uma inegável ascensão do futebol feminino no Brasil e no mundo. Não cabe, em pleno século XXI, o atual presidente do clube falar que "no lugar em que homem joga mulher não pode jogar" (sic) e que pretendia por isso pretendia retirar as Leoas do Barradão. Trata-se de uma mentalidade totalmente ultrapassada. O futebol feminino deve ser visto como compromisso social e investimento", afirmou.

Na última terça-feira (9), a Frente Vitória Popular comunicou por meio do Instagram que as doações alcançaram a marca de R$ 10 mil. A comemoração pela conquista da primeira meta foi acompanhada pelo reforço da campanha, que tem o objetivo de chegar ao valor de R$ 30 mil. 
 

A primeira meta foi a pré-temporada, agora começa o campeonato de verdade. Precisamos da torcida empurrando as Leoas do começo ao fim!

Vamos virar o primeiro turno com 30 mil? É pra chegar bem na meta final e trazer esse título pro Barradão!

Acesse: https://t.co/lfXvwLj8mA pic.twitter.com/DI9dWtzBHn

— Frente Vitória Popular (@ecvpopular) June 9, 2020  

Para fazer parte da campanha, o torcedor deve acessar o site  e escolher um valor para doação. A partir de R$ 15, o doador ganha como brinde dois bottons da campanha. As camisas elaboradas para atingir arrecadação estão no valor de R$ 55. O projeto segue online até o dia 10 de julho.


Whatsapp
Mande um Comentário
Os comentários não representam a opinião do portal Galáticos Online. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Mais noticias


Ver todos

Publicidade

Fotos

Publicidade

Publicidade