Fisiologista do Vitória explica como será o retorno do elenco aos treinos

Autor(a): Redação Galáticos Online (Twitter - @galaticosonline) em 15 de Junho de 2020 21:00
Foto: Letícia Martins / EC Vitória

O elenco do Vitória se reapresenta nesta terça-feira (16) após aproximadamente três meses afastado das atividades devido à pandemia do coronavírus. A prefeitura de Salvador autorizou o reinicio dos trabalhos dos clubes de futebol.

Para isso, o Rubro-Negro precisará cumprir um protocolo de higienização e distanciamento no Centro de Treinamentos. Em entrevista ao repórter Anderson Matos, o fisiologista Alexandre Dortas explicou todo o procedimento para a volta.

"Começa amanhã a testagem para atletas, membros de comissão técnica e funcionários que estarão envolvidos nesta primeira fase de treinamentos individuais. O procedimento se iniciará às 8h e irá até 11h. Será em sistema de drive thru e com hora marcada. Teremos os resultados até 20h. Os que estiverem negativados, já estarão liberados para o treinamento quarta-feira (17) pela manhã. A gente pede a Deus que não, mas se tiver algum positivo, será encaminhado para um teste que vai identificar se o vírus presente é uma infecção aguda, ou seja, está infectado, ou se teve contato com o vírus anteriormente e já está imunizado. Se tiver imunizado, vai treinar normalmente. Não estando, entra ano protocolo de afastamento de 14 dias com acompanhamento do Departamento Médico. Não só ele, mas também seus familiares", disse.

O profissional também revelou como se darão os treinos na Toca do Leão. "A primeira fase será toda em treinamentos individualizados. Os atletas chegarão ao clube e irão se dirigir a uma tenda de triagem com um profissional treinado, da saúde. Vão preencher um questionário, que revisaremos. Já temos um protocolo de orientação desde a saída do atleta de casa até o clube. Ele chegando lá, verificando a temperatura e estando ok o questionário, ele receberá um kit individual, de hidratação, suplementos, equipamentos para controle, como GPS. Entrarão no campo por uma entrada única. O nosso CT é bastante amplo. Estamos dividindo de uma forma que cada atleta vai ter 500 metros de área para treinar e distanciamento de dez a 15 metros entre um atleta e outro". 

Dortas ainda reconheceu a importância dos treinamentos coletivos, mas destacou que esse tipo de atividade só será possível com a redução dos casos da doença. "Vamos aguardar as próximas de liberações, que estão associadas às curvas de contaminação da cidade, do estado e do próprio país. Liberando os treinamentos em grupo, a gente começa a evoluir, que é o mais importante. Por conta dos três meses afastados, sem treinar de forma plena, os atletas perdem muito da condição física. Essa primeira fase individual vai servir, basicamente, para recuperar essa condição física. O treinamento em grupo será muito importante para preparar os atletas para o jogo, não só de forma física, mas de forma tática e técnica. Temos que aguardar a evolução. Serão novos desafios que, juntos, vamos superar. Tenho certeza de que o futebol irá retornar e trazer a alegria tão peculiar aos nosso domingos, nossas quartas, e que está faltando nos corações das pessoas", concluiu.


Whatsapp
Mande um Comentário
Os comentários não representam a opinião do portal Galáticos Online. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Mais noticias


Ver todos

Publicidade

Fotos

Publicidade

Publicidade